JOHN JOHN: 'NADA VAI PARAR A MINHA CARREIRA A NÃO SER QUE PERCA A PAIXÃO PELA COMPETIÇÃO'

O surfista havaiano mostra-se determinado em regressar à melhor forma, outra vez.

No espaço de dois anos, esta é a segunda vez que John John Florence está a contas com moléstias nos ligamentos dos joelhos e consequentemente tem de ir para a mesa de operações.

Se em 2019, o surfista havaiano contraiu uma rotura de ligamentos do joelho direito, no passado mês de maio sofreu uma rotura parcial dos ligamentos do joelho esquerdo.

Numa altura em que o bilhete de identidade indica 28 anos de idade, completa 29 primaveras em outubro, começam já a ser alguns os problemas físicos que John John tem vindo a sofrer nos joelhos, o que levanta a questão sobre o impacto que no futuro estas lesões podem vir a ter na carreira de Florence, nomeadamente em termos da duração da mesma ou até mesmo na sua componente psicológica.

No entanto, tudo isso é algo que não inquieta John John. “Não sou daqueles que pensa sobre como vão estar as coisas daqui a 10 anos. No entanto, não vejo nada a parar minha carreira a não ser que perca a paixão pela competição”, confidenciou o duas vezes campeão do mundo em entrevista concedida ao site ‘The Inertia’.

Nessa mesma conversa, o atual nº10 do ranking mundial garante não estar minimamente “preocupado” com as recentes lesões sofridas, pois “não vão influenciar” o seu surf. John John Florence diz mesmo que olha para estes “percalços que vão surgindo” como “desafios divertidos”.

“Atualmente, a medicina é muito boa. Há 10 anos estas lesões acabavam com as carreiras dos atletas. Comecei a surfar há seis semanas, o que é fantástico”, concluiu o natural da ilha havaiana de Oahu.

Scroll to top